Siga nossas redes:

 
Santa Catarina

Irregularidade na vacinação é denunciada

Insatisfeita, Secretaria de Estado da Saúde 'dedura' prefeituras por atraso na vacinação

Agência RCN
Vacina
Foto: Secom SC
Insatisfeita, Secretaria de Estado da Saúde 'dedura' prefeituras por atraso na vacinação

Insatisfeita com o atraso no preenchimento de informações sobre a vacinação contra a Covid-19 pelas prefeituras de Santa Catarina, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) criou um canal em que "dedura" os municípios mais atrasados. As informações ganharam um espaço no portal da pasta.

O secretario de Saúde, André Motta Ribeiro, já havia manifestado preocupação com a diferença do número de doses distribuídas e o número de doses aplicadas. O problema maior, diz, não é a aplicação de doses em si, mas a atualização das informações no sistema do Ministério da Saúde.

"Temos, nos municípios, [...] quase 1 milhão de doses não registradas no sistema. [...] O que eu preciso é do registro dessas doses e que elas sejam aplicadas pelos municípios. A gente tem reforçado a necessidade de mutirão, quer seja na vacinação, quer seja no registro dessas doses. Prioridade número um: registrar tudo o que está sendo aplicado", disse, na semana passada.

Pelos cálculos da SES, atualizados na semana passada, a pasta distribuiu mais de 7 milhões de doses de vacina contra a Covid, mas os registros apontavam a aplicação de apenas 5,9 milhões. Ou seja, tem pouco mais de 1 milhão de doses que foram encaminhadas, mas não há o registro de aplicação.

Segundo Motta Ribeiro, esse atraso prejudica a negociação da SES com o Ministério da Saúde na busca por mais doses, já que o órgão federal entende que Santa Catarina "tem estoque". O ideal, diz, seria aplicar e registrar tudo, para ter embasamento ao pedido de novos lotes.

Nesta semana, a Secretaria deu um novo passo na pressão sobre as prefeituras. A pasta criou um espaço no site onde divulga a diferença entre doses enviadas e aplicadas. O material, atualizado no último dia 18, está disponível no portal oficial de informações sobre o combate ao Coronavírus.

Os dados mais recentes mostram que o número de doses distribuídas subiu para 7,5 milhões e o de doses aplicadas chegou a 6,6 milhões.

Arte divulgada pela SES aponta as prefeituras com maior diferença entre as doses enviadas e aplicadas. Foto: Reprodução





capa jornal.jpg
 
logo vetor branco.png

Adjori/SC - Todos os direitos reservados

Travessa Raulino Lazarin, nº 39, Centro, São Lourenço do Oeste/SC , CEP 89.990-000
Fone (49) 3344-1400, e-mail:contato@destaqueregional.jor.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina